Golpe: Ligação anuncia prêmio de R$ 10 mil e TV e faz vítimas em São Roque

08:05 |


27/07/2017 08:43:29 - Atualizado em: 27/07/2017 10:06:19



AMPLIAR FOTO


Uma ajudante de cozinha de 38 anos, moradora em São Roque, foi vítima de um golpe aplicado por uma ligação de um falso funcionário da operadora Vivo anunciando prêmios.

De acordo com a mulher, em depoimento no plantão policial da cidade, ela estava com sua irmã quando receberam uma ligação de um número de celular onde um homem disse que era funcionário da operadora Vivo e que se chamava Maxuel Oliveira.

Ele disse que o motivo da ligação era para informar que ela teria sido sorteada com um prêmio de R$ 10 mil e uma TV 52 polegadas da Seleção Premiada Vivo.

O tal indivíduo relatou que, para receber o prêmio, elas precisavam ir até um banco.

A mulher não poderia desligar o telefone e teria de seguir até uma agência. As duas seguiram as orientações e o falso funcionário conseguiu fazer com elas fizessem duas transferências de suas contas para outra conta que ele dizia ser como garantia para receberem o prêmio.

Assim, foram feitas por elas duas transferências, sendo uma no valor de R$ 1.199,11 e outra na quantia de R$ 90,11 na conta de Dayane Queiros do Nascimento na Caixa Econômica Federal.

Mais tarde, elas descobriram que caíram em um golpe e se dirigiram até a Delegacia de São Roque onde registraram a ocorrência de estelionato.

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar o caso.

Segundo a polícia, esse tipo de golpe geralmente é feito por um número de telefone celular com um chip que pode ser trocado.

O estelionatário compra um chip com nome e documento falsos e usa para o golpe. Depois do crime, ele joga o chip fora e compra outro para fazer um novo golpe e assim por diante.

O mesmo estelionatário também usa uma conta falsa no banco com nome de outra pessoa para sacar o dinheiro em seguida.

As vezes usa uma conta verdadeira de alguém, pois, tem de alguma forma, a senha da pessoa e assim usa para receber depósitos e transferências rápidas. O dinheiro entra e sai da conta com operação instantânea do estelionatário.

A pessoa dona da conta as vezes nem percebe a movimentação rápida.

A Operadora Vivo informa que em casos como o do golpe informado acima, que não realiza premiações dessa forma e muito menos pede algum depósito ou transferência bancária para clientes.

Fonte: da Redação

São Roque Notícias

0 comentários:

Postar um comentário