Metade da Marginal em obras já recebe aduelas de concreto, veja

12:23 |




19/06/2017 12:52:48 - Atualizado em: 19/06/2017 13:06:45



AMPLIAR FOTO


AMPLIAR FOTO


AMPLIAR FOTO


AMPLIAR FOTO


A reconstrução do trecho desmoronado da Avenida Antonino Dias Bastos (Marginal) entre as avenidas Brasil e John Kennedy, região próxima ao centro de São Roque, mesmo com os problemas enfrentados com as chuvas, prossegue no local.

A empresa responsável pela obra avança na instalação das aduelas de concreto.

A cada dia, a construtora faz um trecho a partir da Avenida Brasil sentido Avenida John Kennedy.

Como a marginal é aberta, o canal por onde passa a água é reconstruído com peças equivalentes a meia aduela em formato L.

As aduelas de concreto são peças retangulares quadradas pré-moldadas com encaixe e de vários tamanhos.

Podem ser fechadas ou abertas, tipo (U) ou (L), fabricadas sob encomenda, conforme projeto ou com base nas medidas da obra e tipo de solo de base que incidirá sobre as peças.

Instalada gradativamente, uma ao lado da outra, elas formam um grande corredor.

Podem ser usadam em drenagem de galerias de água pluvial, vias urbanas, rodovias, aeroportos, canalizações de córregos a céu aberto ou fechado, pontes entre outros.

São utilizadas principalmente na canalização de córregos e cursos d água, e também utilizadas em montagem em perfis em “L” para vencer grandes vãos de canal aberto.

São ainda utilizadas como travessias de córregos exercendo a função de pontes, além de caixas de retenção.

A aduelas têm características de um produto versátil e de rápida instalação e com melhores custos de obra.

Obra em São Roque

As aduelas continuam sendo instaladas e a empresa espera nos próximos dias, avançar ainda mais nesse processo se não chover.

De acordo com a construtora, as obras do trecho desmoronado da Avenida Antonino Dias Bastos tem percurso de mais de 200 metros entre as avenidas Brasil e John Kennedy. Esse trageto será totalmente refeito com as aduelas.

Depois de instaladas, as laterais externas serão aterradas até a altura da via pública e em seguida será feito o acabamento.

Elas formarão as novas paredes do canal.

Depois serão construídos os canteiros laterais e por último a jardinagem.

Como neste trecho da marginal as duas vias públicas também foram afetadas, haverá a reconstrução asfáltica dos dois sentidos.

A conclusão de toda a obra deve demorar seis meses.


Fonte: da Redação

São Roque Notícias

0 comentários:

Postar um comentário