São-roquense morre durante tiroteio em São Roque

08:06 |



23/05/2017 às 09h13min - Atualizada em 23/05/2017 às 09h13min




Carlos Lofredo trabalhava com Van, o veículo onde estava foi alvejado durante o tiroteio, as informações ainda são desencontradas sobre sua morte


Na madrugada desta terça-feira, 23/05, o são-roquense Carlos Lofredo morreu durante tiroteio que ocorreu na rua São Paulo em frente da Prefeitura de São Roque num confronto entre marginais e Polícia Civil após explodirrem o caixa eletrônico do banco Santander.
Carlos Lofredo trabalhava com serviço de Van e surgem  versões diferentes da sua morte, uma delas é de que ele teria sido sequestrado e estava como refém so bandidos, a outra é de que ele passava em frente da prefeitura durante o tiroteio e seu carro foi alvejado.
Carlos Lofredo é muito conhecido em São Roque e nas últimas eleições foi candidato a vereador pelo PDT partido coligado ao prefeito eleito Claudio Goes.
Uma outra informação que chegou a  reportagem do Jornal da Economia  é de que  ele teria sido confundido pela polícia.


A Polícia Civil de São Paulo, Sorocaba e São Roque trabalharam em conjunto após informações de que os bandidos iriam agir numa cidade do interior.Após a explosão do caixa eletrônico por volta das 2:30 da madrugada os policiais chegaram e daí teve início do confronto com um tiroteio que chamo a atenção dos moradores da região num verdadeiro clima de guerra.
Ao todo são 3 os mortos na madrugada violenta em São Roque sendo dois marginais e o são-roquense Carlos Lofredo.

0 comentários:

Postar um comentário