Independe escreve seu nome na galeria de vencedores do Torneio Cruzeirão

18:19 |


Publicado em 13 de Maio de 2017 | 10:04
Escrito por Eduardo Gouvea



Depois de passar perto nos últimos dois anos, finalmente Independente pode comemorar | Crédito: Agência Foto 10

Depois de bater na trave em 2015 e cair nas semifinais do ano passado, finalmente o Independente Percilglass pode comemorar o título da categoria principal do Torneio Cruzeirão de Futsal. A inédita conquista veio com uma vitória por 4 a 2 diante do Manchester Paulista / CJA Sports / Cachoeira, nesta sexta-feira (12), no ginásio Gualberto Moreira, em Sorocaba.

O jogo começou com a equipe de São Paulo trocando muitos passes, mas foi o Manchester quem quase abriu o marcador, em uma bola que chegou a tocar o travessão do goleiro do Independente, que respondeu à altura e só não fez o gol porque Rafael Augusto salvou em cima da linha.

Com um confronto equilibrado, uma jogada individual poderia fazer toda a diferença. E foi o que aconteceu, para a infelicidade da torcida do Manchester que compareceu em peso ao ginásio. Após um rápido contra-ataque, Paulo Roberto chutou de fora da área, a bola ainda bateu na trave antes de morreu mansamente no fundo das redes do goleiro Rodrigo. O Garanhão Sorocabano ainda teve a chance do empate, mas novamente parou na trave.

O time paulistano ampliou aos 17 minutos, com outro gol de Paulo Roberto. A defesa do Manchester tentou afastar a bola, mas o chute para o alto acabou se transformando em um passe para o jogador paulistano anotar seu segundo gol e dobrar a vantagem do Independente.

No segundo tempo o Manchester melhorou na partida, passou apertar o adversário em busca da recuperação e depois de muito insistir, descontou com Ewerton. O time sorocabano continuou sua pressão, mas do outro lado tinha o bom goleiro Wagner, que ia segurando o bombardeio.

Em seu melhor momento no jogo o Manchester tomou um verdadeiro balde de água fria, quando após falha da defesa, Tiago Gouveia bateu da entrada da área, no canto alto do goleiro Rodrigo para fazer 3 a 1. Com pouco tempo para buscar dois gols, o técnico Vitor Mosca apostou na tática do goleiro-linha, que deu resultado momentos depois com Fernando descontando novamente.

Os cinco minutos finais, a exemplo das duas partidas anteriores, foi de tirar o fôlego. De um lado, o Manchester instituindo com seu goleiro adiantado e desperdiçando várias oportunidades. Do outro o Independente sempre perigoso, podendo matar o jogo a qualquer momento. E foi o que aconteceu aos 38 minutos, quando a bola sobrou livre para Tiago Gouveia tocar sem goleiro para fazer o quarto e definir o placar final.

Mais resultados

A noite ainda teve outras duas decisões, que também terminaram com o placar de 4 a 2. No primeiro duelo, válido pela categoria veterano, o Boca Madella venceu o atual campeão Uppertools / Atlético Brasil / Terceiro Tempo F.A, enquanto que o Soromarmore / Boteco do Arnesto, que teve Falcão e outros grandes nomes do futsal em quadra, teve muito trabalho para vencer o valente time do Luciano Tintas /Pike Gás de Itapetininga.

0 comentários:

Postar um comentário