Osasco: Promotor Público vai à Câmara e fala duro contra excesso de cargos comissionados

09:42 |





A sessão ordinária desta quinta-feira (30/03), na Câmara Municipal de Osasco, contou com uma visita incomum.
A convite do presidente da Casa, Dr. Lindoso, o Promotor Público e coordenador da Operação Caça Fantasmas, Dr. Gustavo Albano, participou da sessão e falou duro contra o número excessivo de assessores com cargos em comissão. Hoje, cada vereador de Osasco pode ter até 16 assessores.

No final do ano passado, devido às investigações da Operação Caça Fantasmas, o Ministério Público do Estado pediu e a Justiça determinou a prisão de 14 vereadores, dos quais quatro foram reeleitos. Ao ser convidado para fazer parte da Mesa pelo presidente da Casa, o promotor agradeceu e disse que iria ficar junto à plateia até o momento de sua fala.

"Uma secretária de vereador precisa ter cargo de confiança? Em vez de ter 16 vereadores para verificar buraco de rua, façam concurso público para que todos os cidadãos tenham oportunidade de ingressar no Legislativo", disse o promotor, que propõe apenas um assessor para cada vereador.

Após deixar a tribuna, o Dr. Gustavo ainda permaneceu por vários minutos atendendo o público no saguão da Câmara.

Por Renato Ferreira/Notícias e Opinião

0 comentários:

Postar um comentário