Mulher que teve as mãos decepadas pelo marido por não poder ter filhos espera um bebê, no Sul do Quênia

12:51 |

Bizarro

15/04/2017





Foto: CEN
Jackline Mwende foi agredida com um facão pelo ex-marido
Uma esposa que acusa o marido de ter cortada as mãos dela por ela não poder ter filhos está prestes a ter um bebê.

Jackline Mwende foi agredida por Stephen Ngila, que usou um facão para cortar os braços dela abaixo dos cotovelos e a deixou para morrer em julho do ano passado.

Ela diz que o marido a feriu por vingança porque Jackline não teria condições de dar um um filho a Ngila.

Veja também!

O marido, de 34 anos, negou que seja o responsável pela agressão, ocorrida Machakos County, no Sul do Quênia.

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no Facebook e no Twitter. 


Depois de ser presenteada com próteses em Seoul, na Coreia do Sul, Jackline, 28, superou seus problemas e já está prestes a dar luz ao bebê.

Ela não vai dizer que é o pai da criança, mas ela tem uma nova casa para criar o filho.

Em agosto do ano passado, Jackline contou como ela conheceu seu marido depois de terminar o Ensino Médio, em 2010.

— Foi amor à primeira vista.

Ela ainda o descreveu como "gentil e crente em Deus".

— Ele me ensinou como fazer vestidos e roupas.

Nós nos apaixonamos durante esse período e nos casamos três meses depois.

Mas ele gradualmente foi ficando violento e alcoólatra. Eu continuei com ele porque eu queria salvar o casamento e a minha casa.

R7

0 comentários:

Postar um comentário