Professores da rede municipal protestam no Centro de SP

12:03 |



Manifestantes saíram da Prefeitura de São Paulo em direção à Avenida Paulista.




Professores da rede municipal de ensino fazem protesto no Centro de São Paulo
Em greve desde o último dia 15, professores da rede municipal de ensino da cidade de São Paulo fizeram uma manifestação nesta quarta-feira (21) por ruas do Centro da capital. A categoria realizou uma assembleia em frente à Prefeitura, no Viaduto do Chá, às 15h, e seguiu rumo à Avenida Paulista pela Rua da Consolação. Chegando na Paulista, os manifestantes bloquearam os dois sentidos da avenida, na altura da Praça do Ciclista.
Professores da rede municipal em greve realizam assembleia em frente ao prédio da Prefeitura de São Paulo, no centro da capital paulista (Foto: Gero Rodrigues/Estadão Conteúdo)Professores da rede municipal em greve realizam assembleia em frente ao prédio da Prefeitura de São Paulo, no centro da capital paulista (Foto: Gero Rodrigues/Estadão Conteúdo)
Professores da rede municipal em greve realizam assembleia em frente ao prédio da Prefeitura de São Paulo, no centro da capital paulista (Foto: Gero Rodrigues/Estadão Conteúdo)
Em contato com o G1, a assessoria de imprensa da Prefeitura afirmou que, assim como a Secretaria de Educação, está aberta ao diálogo e à negociação 
com os professores.

Em nota, o Sindicato dos Profissionais em Educação do Ensino Municipal de São Paulo (Simpeem-SP) afirmou que o protesto era contra as reformas da previdência, trabalhista e do ensino médio.
O grupo também cobra da gestão de João Doria (PSDB) a valorização dos pisos do quadro dos profissionais de educação, melhores condições de trabalho e saúde, combate à violência, questões funcionais, organização das escolas e formação.
Segundo o Sindicato, 25 mil manifestantes participaram do ato e 70% dos professores da rede municipal estão em greve.



0 comentários:

Postar um comentário